Voltar

Ministério TAU de Assis

  Ministério TAU de Assis
Missas, celebrações especiais e casamentos.
Validade: 31/12/2017
Cupons emitidos: 0
Comapartilhe esse anuncio:
Categoria: Eventos & Produções
telTelefone:(35) 9882-76961
celCelular:(35) 9880-32407
mailEmail:ejcmm@hotmail.com
tel Formas de Pagamento:Contratual
tel Horarios:De segunda a sexta das 8:00 as 18:00 aos sábados das 8:00 as 12:00
site Site: redesinformas.com.br/sinformas/home
enderecoEndereço: Rua Dr Carlos da Silva Rodarte, 186 - São Francisco -Campo Belo/MG - 37270-000
TAU é um símbolo antigo, que recorda tempo e eternidade. A grande busca do humano querendo tocar sempre o Divino e este vindo expressar-se na condição humana. Horizontalidade e Verticalidade. As duas linhas: Céu e Terra! Temos o símbolo do TAU riscado nas cavernas do humano primitivo. Nos objetos do Faraó Achenaton no antigo Egito e na arte da civilização Maia. Francisco de Assis o atualizou e imortalizou. Não criou o TAU, mas o herdou como um símbolo seu de busca do Divino e Salvação Universal. Na Bíblia existe um texto que menciona explicitamente o TAU, última letra do alfabeto hebraico, Ezequiel 9, 1-7: "Passa pela cidade, por Jerusalém, e marca com um TAU a fronte dos homens que gemem e choram por todas as práticas abomináveis que se cometem". O TAU é a mais antiga grafia em forma de cruz. Na Bíblia é usado como ato de assinalar. Marcar com um sinal é muito familiar na Bíblia. Assinalar significa lacrar, fechar dentro de um segredo, uma ação. É confirmar um testemunho e comprometer aquele que possui o segredo. O TAU é selo de Deus; significa estar sob o domínio do Senhor, é a garantia de ser reconhecido por Ele e ter a sua proteção. É segurança e redenção, voltar-se para o Divino, sopro criador animando nossa vida como aspiração e inspiração. Em geral, o Tau pendurado no pescoço por um cordão com três nós. Esse cordão significa o elo que une a forma de nossa vida. O fio condutor do Evangelho. A síntese da Boa Nova são os três conselhos evangélicos: Obediência, Pobreza e Pureza de coração. O símbolo não é um amuleto, mas um sacramental que nos recorda um caminho de salvação que vai sendo feito ao seguir, progressivamente o Evangelho. Usar o TAU como símbolo é colocar a vida no dinamismo da conversão: Cada dia devo me abandonar na Graça do Senhor, ser um reconciliado com toda a criatura, saudar a todos com a Paz e o Bem.
 Voltar
Voltar para o topo